Uma Introdução Metodológica

Desejo de empreender, vontade de ter um negócio próprio, aspirar ser o próprio chefe ou fazer o sonho de deixar um legado para a família. Por esse e por outros motivos cada vez mais brasileiros estão apostando em franquias. Mas será que a franquia serve para toda gente? Como abrir uma franquia?

Descubra neste momento tudo o que devia saber a respeito do segmento de franchising. Antes de sonhar em como abrir uma franquia, é preciso primeiro definir este segmento. Franquia (bem como chamada pela sua versão em inglês, “franchising”) é um sistema no qual um empresário compra de uma empresa o direito de utilizar sua marca e seus produtos. Além disso, o consumidor recebe um treinamento pra operar os instrumentos e pra vender mais.

Abrir uma franquia exige dinheiro e tempo, no final das contas é um investimento de comprido período e que exige muita disposição. Sendo assim é considerável fazer uma procura sobre isso como anda o mercado antes de raciocinar em como abrir uma franquia. 5% das redes que atuam no Brasil são estrangeiras. O Brasil é o 4º superior povo do mundo em número de franqueadores, atrás apenas da China, Coreia do Sul e EUA. Já no ranking de unidades franqueadas, cai pra 6ª localização (somos ultrapassados pelo Japão e pelas Filipinas). Mais da metade das pessoas que constataram como abrir uma franquia estão em São Paulo.

  • Conecte-se com seus interlocutores
  • Colapso Se Aproxima E Imobiliárias Procuram Aliviar Dívidas
  • Escolha a sobremesa perfeito
  • Trata-se de uma inevitabilidade prioritária ou secundária
  • Defina as expectativas de comunicação

Em segundo ambiente, muito atrás, está o Rio de Janeiro (com 10% das franquias). Completa o ranking dos estados mais interessantes o Paraná. Já os franqueadores estão quase completamente concentrados pela região Sudeste. Mais de 40% dos municípios brasileiros contam com uma franquia. O mercado brasileiro é bastante profissional. Prova disso é que mais de cem redes de franquias brasileiras atuam no exterior. Elas existem em em torno de oitenta países. Por outro lado, um pouco mais de 3% dos franqueadores atuam fora do Brasil, o que mostra tanto a dificuldade de internacionalização do empresário brasileiro quanto uma oportunidade de desenvolvimento ainda não explorada.

Os ramos de superior sucesso fora do País são moda, alimentação e o segmento “saúde, formosura e bem estar”. Por outro lado, “entretenimento e lazer” é o ramo menos explorado. O país que mais tem franquias brasileiras é o EUA, seguido de Paraguai e Portugal. Um mercado que cresce 8% ao ano não podes ser jamais desconsiderado.

Assim investir em franquia certamente é um prazeroso negócio. Isso não significa, no entanto, que não haja riscos. Nos auge da instabilidade financeira brasileira, tendo como exemplo, em torno de 1% das franqueadoras fecharam as portas. Conheça neste momento as vantagens e desvantagens de abrir uma franquia. O instante mais complexo de qualquer empreendimento é o primeiro ano de existência. Nessa etapa a organização é insuficiente conhecida e necessita de fazer superior interesse para sobreviver. A franquia diminui esse impedimento.

Empresas franqueadoras costumam agora ter uma marca bem determinada e um paradigma de negócio eficiente. A inexperiência do empreendedor podes ser compensada pela experiência da franqueadora. O franqueado recebe direção e treinamento do franqueador, uma marca consolidada e um padrão de negócio testado por anos. Tudo isso corta as oportunidades de insucesso.