Controle de pragas – O que é e por que você deve usá -lo?

O termo “controle de pragas” cita -se a uma abundância de técnicas usadas para gerenciar e eliminar a presença de diversas pragas. Os métodos de controle de pragas conseguem ser classificados como 3 tipos: produtos químicos, culturais e físicos. Este post discute o controle químico de pragas, controle cultural e controle físico e predadores de insetos. Estas técnicas conseguem ser usadas para combater as populações de pragas, mas seu emprego é restrito a certos tipos de insetos. O controle de pragas bem como poderá ser crucial em algumas situações em que a quantidade de danos causados ​​por uma população de pragas é superior que os custos do tratamento. Indico ler um pouco mais sobre o assunto pelo website especial info. Trata-se de uma das mais perfeitas referências sobre isso esse cenário pela web.

Controle químico de pragas

Na agricultura moderna, os pesticidas químicos são um objeto essencial. Jardineiros, agricultores e até a dona de casa costumam usar estes produtos. Existem 3 tipos principais de controle de pragas químicas: herbicidas, inseticidas e fungicidas. Cada um é capaz contra um tipo específico de praga. Se você está pensando em utilizar um desses produtos, empreenda o que eles executam e como eles funcionam. Leia pra comprar mais sugestões. Listados abaixo estão os diferentes tipos de pesticidas químicos.

Controle de pragas - O que é e por que você deve usá -lo? 1

Antes de utilizar um pesticida, leia o rótulo. Procure um pesticida com o cronograma mais pequeno pra emprego doméstico. No entanto, esteja ciente de que todos os pesticidas, mesmo aqueles que são seguros pra exercício doméstico, são capazes de causar danos quando usados ​​incorretamente. A todo o momento siga as instruções do fabricante e não overdose. Assim como, nunca misture pesticidas, visto que as misturas são capazes de causar uma reação química inesperada. Dependendo dos pesticidas que você utiliza, você assim como pode considerar as precauções de segurança.

Controle cultural

Além dos sprays, as estratégias de gerenciamento de pragas incluem controle cultural. Esse esquema altera fatores ambientais que favorecem pragas. Estas transformações conseguem adicionar rotações de culturas, arrecadação de lixo e saneamento. Detritos e lixo vegetais são capazes de fornecer plaeduras para pragas. Os métodos de controle cultural foram usados ​​para combater com sucesso várias pragas. As práticas recomendadas estão listadas abaixo:

O controle cultural adiciona uma ampla gama de práticas agrícolas. Dependendo da praga, essas práticas são capazes de ser modificadas para precaver e conter as infestações. Exemplos de métodos de controle cultural adicionam rotação de culturas, lavoura, tempo do plantio e cultivar de plantas. Outros métodos podem incluir insetos e animais benéficos, como joaninhas. Estes métodos são mais seguros no momento em que usados ​​em união com algumas estratégias de controle de pragas. Eles precisam fazer parte de uma estratégia abrangente de gerenciamento de pragas.

Controle físico

O controle físico para pragas é uma forma comum de se livrar de insetos e menores roedores. Esse segredo envolve prender ou matar pragas, estabelecer barreiras ou ambas. O controle físico de pragas é frequentemente usado na indústria agrícola. Além do cultivo, também poderá ser usado pro controle de pragas domésticas. Os pesticidas conseguem ser aplicados com o exercício do controle físico pra preservar os visitantes indesejados fora. Entretanto o que é e por que devia usá -lo?

O primeiro procedimento de controle físico de pragas é desenvolver uma barreira para as pragas entrar no edifício. Isto envolve a remoção de ninhos, fontes de alimentos ou criadouros. O controle físico bem como é uma forma eficaz de evitar infestações por pragas ou evitar que as existentes se espalhem. A maioria dos métodos físicos de controle de pragas inclui o uso de armadilhas. As armadilhas são eficazes pra apanhar pequenas pragas, contudo devem ser verificadas regularmente. Os controles físicos podem requisitar que métodos adicionais sejam eficazes, como o exercício de telas de insetos.

Predadores de insetos

O controle biológico de pragas envolve o uso de insetos como predadores de insetos que atacam certos tipos de plantas, incluindo ervas daninhas e outros insetos de jardim. Os predadores mais bem -sucedidos são aqueles cujos hábitos e habitats combinam com as plantas que atacam. A título de exemplo, o Cryptolaemus Lady Beetle é um predador de insetos eficaz de escalas, lagartas e mealybugs. Os mantídeos orando são menos eficazes no controle de pulgões e outros tipos de pragas. Para um controle biológico competente, é primordial ter predadores que possam responder rapidamente aos surtos de pragas.

O controle biológico também podes ser alcançado através do uso de parasitóides, patógenos e predadores. Esses agentes biológicos são uma parte valiosa de um plano geral de gerenciamento de pragas integrado, que combina escotismo, plantas resistentes a doenças, práticas culturais sólidas e pesticidas compatíveis. Nas estufas, três tipos de insetos benéficos são capazes de ser usados ​​para controle de pragas: predadores, parasitóides e patógenos. Se quiser saber mais infos sobre o assunto deste conteúdo, recomendo a leitura em outro excelente web site navegando pelo hiperlink a seguir: Dedetização.

Ótimas informações relacionadas aos focos nesse postagem, você podes amar de:

Clique para investigar

Visite A Página desse site